COMUNICADO

GENTE QUERIDA

MUITAS AMIGS NÃO ESTÃO CONSEGUINDO COLOCAR SEUS COMENTÁROS AQUI NO MEU CANTINHO.

ALGUMAS DISSERAM QUE CONSEGUIRAM COMENTAR COM O MOZILA...TENTE TAMBEM...QUEM SABE DÁ CERTO

BEIJINHOS

AMO VOCES!

terça-feira, 23 de agosto de 2011

BOLO DE PANELA


A chapa quente do fogão era lugar para uma cafeteira de ágata. Quando não o café, um chá de folha de laranjeira. Minha amiga Maria Alice, nascida em Mossâmedes, Goiás, viveu a cozinha como eu vivi. Contou-me que quando era mais jovem propunha um negócio a Deus: ela trocaria um ano de sua vida agora por uma única noite na cozinha de sua casa. Toda noite era igual. Ela conta: “A mãe dizia: ‘Vou é lá fora apanhar umas folhas de laranjeira prá fazer um chá pra nós...’ O pai advertia: ‘Mulher, você vai é ficar estuporada. Está com a cara quente do calor do fogo e vai sair na friagem? Vai acabar de boca torta...’ Ela nunca seguiu a advertência do marido e nunca ficou de boca torta.



Sobre o fogo uma panela de ferro coberta com uma tampa de lata de óleo de 18 litros, com brasas em cima. Dentro da panela, um “bolo de panela”. É preciso dizer que é “bolo de panela” para diferenciar dos outros, que são de forno. Bolo de panela é bolo de pobre que não tem forno. As brasas na lata são para assar o topo do bolo. De fubá, com pedacinhos de queijo Minas. A tecnologia não era perfeita. Um momento de distração e a brasas queimavam a crosta. Mas esses pedaços queimados eram mais gostosos

No soup for you

 E a  manteiga escorria no bolo quente...


(parte do texto" A Cozinha" de Rubens Alves - Correio Popular, Caderno C, 31/07/2005.)


O bolo descrito neste texto foi muito usado por aqui no meu cantinho, eu mesma  comi muitas vezes, e me lembro do tanto que é gostoso. Confesso que nunca fiz, é preciso uma certa "técnica", que desconheço.Mais uma vez um texto de Rubens Alves me faz embarcar em uma deliciosa viagem no tempo.
Se voce quizer ler o texto na íntegra veja -aqui!


beijinhos
Tina
 

12 comentários:

  1. Tina,

    Lindo esse post. Assim como a Maria Alice, eu trocaria um ano de minha vida, por um desses dias, vivos em minhas lembranças.
    Nunca fiz bolo de panela, até de caixinha sola na minha mão, mas eu me refiro às boas lembranças de um tempo que não volta mais.
    Lindo post, como sempre. Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. oi Tina

    Nunca vi fazer bolo assim, bem interessante!!
    Ai, qtas coisas não sabemos, mas na casa da minha avó materna o fogão a lenha estava sempre aceso e mantinha tudo quentinho...

    bjo querida!

    ResponderExcluir
  3. Só aqui mesmo para estar de volta ao passado...srsrsrsrsr
    Minha sogra tem uma panela especial para bolo de panela..srrsr.
    Ai, qto entortar a boca até eu já ganhei essa advert~encia qdo nanica lá casa da avó.
    Saia de perto do fogão e ia pro quintal, meu avô avisava e eu morria de medo de ficar com a boca torta...srsrs
    Tina, amo muito tudo isso aqui.

    ResponderExcluir
  4. lembro que minha mãe fazia esse bolo desse jeitinho e rea delicioso!

    ResponderExcluir
  5. Oi Tina!!!!

    Que delícia!!!!!
    O bolo do "meu cantinho na roça" tem sabor de amor, alegria e esperança!!!!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Tina!
    Que coisa mais doce e querida!
    Lembro -me tão bem de minha mãe fazer bolo assim.
    Ficava delicioso! Senti até o sabor.
    Obrigada minha querida por partilhar conosco
    essa maravilha.
    Abraços! Lindo dia pra ti.

    ResponderExcluir
  7. que delicia.....antigamente tudo era mais simples e gostoso...beijos

    ResponderExcluir
  8. Oi!!! Amei esse cantinho!! Nossa esse bolo deve ser uma delícia!!Bj

    ResponderExcluir
  9. Olá, tina! Primaveril no muro
    Descobri quase sem querer que posso fazer minhas postagens, já qu o blogger me identifica como anônimo , farei como tal!
    Já posso postar!
    Estava com saudades do seu café e de suas histórias!
    Beijocas

    ResponderExcluir
  10. Tiiiiina do céu... essa foto do bolo na panela está tentadora demais... rsssss...
    Post lindo... obrigada por compartilhar...

    ResponderExcluir
  11. Pois a minha amiga Jerusa, aqui do Caminho do Artesanato, faz esse bolo sempre, pois ela só cozinha em fogão de lenha ! Eu aprendi e fiz uma vez, dando certo.
    Adoro esses afazeres antigos, com gosto de saudade...

    Beijo

    ResponderExcluir

fico muito feliz com seu comentário
Obrigada por participar