COMUNICADO

GENTE QUERIDA

MUITAS AMIGS NÃO ESTÃO CONSEGUINDO COLOCAR SEUS COMENTÁROS AQUI NO MEU CANTINHO.

ALGUMAS DISSERAM QUE CONSEGUIRAM COMENTAR COM O MOZILA...TENTE TAMBEM...QUEM SABE DÁ CERTO

BEIJINHOS

AMO VOCES!

terça-feira, 8 de março de 2011

COLCHA DE RETALHOS

Colcha de Retalho, quando surgiu, tinha valiosa importância no seio familiar, haja vista, que as famílias eram numerosas e necessitavam de muitas cobertas para todos os filhos.



Antigamente, a colcha de retalhos era confeccionada, tradicionalmente, unindo tecidos com uma infinidade de estampas de formatos variados.

 Costura manual, utilizando agulha e linha.Trazida pelos colonizadores, era comum ver colchas feitas de linho ou lã, em panos inteiros ou a partir de medalhões centrais e bordas, que permitiam o aproveitamento total de retalhos, já que tecidos eram considerados preciosidade, assim como linhas e agulhas (que eram passadas de mãe para filha). As técnicas eram transmitidas pelas mães e avós para suas descendentes, assim surgiram muitas tradições relacionadas a tecidos, cores e desenhos. Uma tradição de meados de 1800 pedia que a moça fizesse doze colchas antes de poder casar, sendo que a última deveria utilizar blocos com dois anéis de casamento entrelaçados.
A cor é o elemento que mais chama a atenção numa colcha de retalhos. O conhecimento da cor é uma boa base para obter ótimos resultados. Saber combinar as cores e os tons e conseguir uma harmonia entre eles, resulta num bom trabalho.

Com a invenção da máquina de costura caseira, patenteada em 1851, a agilidade na execução aumentou e começaram a surgir revistas especializadas em moldes e padrões.

A revolução trazida pela Segunda Guerra Mundial e pela liberação feminina, na década de 1960, desvalorizaram a tradição. (Texto Arranjo da Craviola)

Tambem tínhamos colchas de retalhos em casa, me lembro que gostava de me deitar na cama e ficar olhando aqueles quadrinhos..., camisa do papai...saia da mamãe...vestido da irmã...e assim passava tempo apreciando aqueles quadradinhos coloridos.
Na casa de minha mãezinha ainda tem uma muuuuuito antiga como esta da imagem acima, está já bem estragadinha , mas não tenho coragem de me desfazer dela pois ali naqueles retalhinhos recordo vestidos, blusas,saias , da nossa adolescencia . E me enterneço, voltando no tempo...

beijinhos
Tina

cama-colorida.gif

18 comentários:

  1. Tina,

    Eu amo colchas de retalhos.
    Ganhei uma da minha ex-sogra, que ela fez com as próprias mãos. Mas quando me separei o meu ex-marido quis levar a tal colcha. Olha, eu não fiz questão de nada material, pois já havia perdido o mais precioso que era o meu casamento. Mas eu amava tanto essa colcha que pedi pra mim.rsrs Ele não deixou, não por egoismo, mas porque ele tinha muito amor por ela também.
    Somos amigos, e quando conversamos sobre a dolorosa separaçãokkkkkk eu sempre digo: Eu perdou tudo..menos por você ter levado a colcha de retalhos..rs
    Oh vida! Só Jesus!

    ResponderExcluir
  2. Tina,

    A Paula do blog Forninhos, deixou um abraço pra você pelo Dia Internacional da Mulher lá no jardim. Ela não está conseguindo postar comentários no seu blog.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Nossa Querida,

    que recordação boa viu.
    Eu ainda tenho uma que minha avó fez pra mim quando eu nasci, não uso porque tenho medo de usar lavar e estragar rsrsrs.
    Mas é como você mesma disse, eu vejo nelas um pedacinho da infância de cada um, já que minha mãe sempre sentava comigo na cama e dizia - esse aqui era uma saia que usei muito e ela rasgou e minha não jogava nada fora então aproveitou e cortou ela pra fazer a colcha, essa era uma camisa que seu tio amava, e de tanto usar rasgou, a vovo aproveito só esse pedacinho e mostrava fotos, muitoooo antigas com as tal roupas.-
    Como era bom, uma lembrança tãooo boa.

    Hoje ainda são sucessos, mas como as nossas não são não, Há mais nao são mesmo, com lembranças juntas???

    Nunca.

    Beijokas e uma ótima semana para ti.

    ResponderExcluir
  4. Tina,
    Amo colchas de retalhos!!!
    Minha mãe fazia colchas para vender mas não ficou nem uma.
    Já fiz duas colchas para mim que amei.
    São lindas recordações!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Só vc para ter pautas tão peculiares...adoro colcha de retalho...hoje chamada de patchwork...chique né...mas a essencia e a mesma, retalhos...
    Lembro da minha infancia...tambem tinhamos este tipo de colcha...
    Bjokas amiga...

    ResponderExcluir
  6. Acho linda! Pretendo ter uma também. Bjs Eliane

    ResponderExcluir
  7. Ah, eu tenho e amo-a demais da conta.
    Serve como coberta ou colcha para cama das crianças.
    Boa postagem.
    Bjs.
    OBS*
    Tina, obrigada pelo carinho, qdo vier em BH iremos ao cinema tá?
    (venha logo!!!!).

    ResponderExcluir
  8. Querida Tina!
    Que preciosidade este teu post,minha amiga! Acho tão interessante e belas as chamadas "colchas de retalhos"!
    Na minha família, já com uma longa estória urbana e acostumada à produtos industrializados, não tivemos muito acesso a esta linda tradição. Mas por conta da família do meu marido,com uma estória ligada ao interior do Brasil,convivi muito com as colchas de retalhos que a minha sogra,até pouco tempo,fazia. E me lembro das estórias que ela contava sobre esse assunto.Como ela é costureira, costumava muito usar os retalhos das roupas que ela costurava...E as colchas dela são tão bonitas...Ela já fez até uma colcha de crochêt pra mim (por sinal muito linda!), mas sempre gostei muito daquelas de retalhos.. Será que um dia ela vai me dar uma (Rs...)?
    Beijinhos aqui dos cariocas pra ti!
    Teresa
    ("Se essa lua fosse minha")

    ResponderExcluir
  9. Linda postagem. Estou há algum tempo pensando em fazer uma, unindo os retalhos com crochê. O problema é que retalhos são peças cada vez mais difíceis. Acho que vou ter que comprar tecido em pequenas quantidasdes para ter retalhos1 rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  10. ai que saudade de vc,tina.
    e qdome volta traz uma colcha linda dessas....
    adoro,minha mãe trouxe uma de Mar de espanha- MG pra mim é linda .

    ResponderExcluir
  11. Eu adoro estas colchas! Há anos que ando para comprar uma para a minha cama, mas são muito caras e em época de saldos é um artigo que não se encontra em promoção, mas qualquer dia perco a cabeça e compro uma. Gosto delas com tons cor-de-rosa, mas amei a da última foto. Também não conheço ninguém que faça. Acho que em Forninhos antigamente as pessoas vendiam os retalhos ao quilo a pessoas de longe que vinham buscar os retalhos, mas também isso acabou.
    Beijo

    P.S: Nem sempre consigo fazer comentários no seu blog Tina...não sei porquê :S

    ResponderExcluir
  12. maria dos prazeres1 de maio de 2011 14:34

    Amei muito tudo o que vi e li simplismente amei,quero muito aprender a fazer,vou tentar ,quem sabe um dia faço uma cocha linda também..além de ser muito quentinha e linda postada na cama..bjs parabens..

    ResponderExcluir
  13. Oi Tina
    Adorei esta postagem, lembrou-me do meu presente de aniversário de 15 anos que ganhei de minha melhor amiga: uma colcha de retalhos. Era linda, cheia de retalhos de flores, pois, ela sabia que eu amo tecidos florais. Ainda tenho esta colcha, apesar do tempo. que saudades...bons tempos.
    bjsonia

    ResponderExcluir
  14. colchas de retalho aquece bem; tambem as acho lindas minha ex sogra faz vou tentar fazer uma jesus vai me ensinar,é tina nossos passados tem tanta coisa boa bjs;

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Estou fazendo uma colcha de retalhos e vim conferir suas dicas e me inspirar para concluí-la.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  16. Linda postagem!!!!
    Abracinhos floridos e dias cheinhos de paz e amor para vc!

    ResponderExcluir
  17. {{ESTOU COMEÇANDO A FAZER AS COLCHAS,MINHA MÃE JÁ FAZ Á ALGUM TEMPO,DEVE TER FEITO UMAS 200 ,MAS DEU TODAS DE PRESENTE PARA A FAMILIA,SÓ QUE RESOLVI USAR ESTA ARTE COMO TRABALHO ,É VOU PASSAR A COMERCIALIZAR,SÃO CADA UMA MAIS LINDA QUE A OUTRA,O PREÇO E 250,00 REAIS,TAMANHO QUEM,,,CONTATO..89298401..DDD031

    ResponderExcluir
  18. Querida Tina,
    Sou estudante de Museologia e o meu trabalho de conclusão de curso é justamente sobre colchas de retalhos. Me encanta a memória contida em cada pedaço de tecido que compõem uma linda colcha de retalhos. A vida que passa por aqueles retalhos, a história que pode ser traçada a partir de cada um deles é um afago que merece ser preservado. Uma colcha de retalhos, daquelas de antigamente, é depositária da memória de famílias. Você cita em seu lindo texto que na casa da sua mãe ainda tem uma velha colcha dessas. Será que ela se importaria de me contar algumas das histórias impregnadas naquelas emendas, naquelas união de afetos? Moro no Rio de Janeiro e se fosse possível conversar com a sua mãe seria uma dádiva. Um grande e afetuoso abraço. Marília

    ResponderExcluir

fico muito feliz com seu comentário
Obrigada por participar